Não sei se vivi ou se sonhei.

22:42


Eu vi você linda como sempre e você foi se aproximando caminhando em minha direção sorrindo com uma leveza só sua. Me tocou o rosto, me beijou a boca e sussurrou em meu ouvido o quanto esperou por isso. 

Nosso abraço foi tão longo e intenso que me perdi entre seus braços, sua pele, teu cheiro. Foi possível sentir as batidas do teu coração, rápidas, descompassadas que entregavam seu nervosismo e o meu. Como desejei esse momento, nossos beijos intensos, abraços apertados, amassos e as mãos soltas sem destino certo passeando entre nossos corpos, sedentos um do outro. Sim tínhamos sede um do outro, um desejo impossível de controlar eu queria e ia te ter.

Continuei beijando tua boca devagar, intenso e forte e minhas mãos acariciavam teus seios por baixo da blusa, tão perfeitos que se encaixavam perfeitamente em minhas mãos. Sua pele macia exalava um perfume único, seu, que me fazia te desejar ainda mais. 

Te deitei na minha cama sem parar de ter beijar um segundo se quer, desabotoei sua blusa e acompanhei minhas mãos com meus beijos por teu corpo todo, me afastei um pouco pra olhar pra você e poderia ficar ali te olhando por horas e horas sem me cansar de admirar sua nudez. 
Mais meus desejos me consumiam seria impossível só te olhar, eu te desejava ardentemente, eu queria toca-la, sentir teu corpo encaixado ao meu e não me fiz de rogado fui atender meus desejos mais intensos. 

Seu corpo se encaixa ao meu perfeitamente, completamente dentro de você num movimento continuo de vai e vem alucinante eu sentia você se contorcer no seu ápice de tesão, gozando grudada em mim. 
Não pude evitar gozar com você, ouvindo seus gemidos e sussurros em meu ouvido, nossas respirações ofegantes deixavam claro que tínhamos chegado onde queríamos porém muito longe de estar saciados. 

Você sempre soube que era tudo que eu mais desejava, sempre soube como me provocar, como me ter nas mãos e eu amo te pertencer assim e ter você pra mim, em mim. 

Deitou em meus braços depois de se entregar pra mim de maneira única e adormeceu, observei você dormir até pegar no sono também. Acordei horas depois com teu cheiro e teu gosto ainda em mim mas não te encontrei aqui, não te encontrei em lugar algum. 

Acordei sem saber se a tive aqui ou se sonhei, mas sei que esta noite muito mais que nas outras que te desejei, eu te amei. Mas ainda não sei se vivi ou se sonhei.

Thato.


Talvez você goste de:

4 comentários

  1. Ah Thasto, estou na bad, e vim ler teu texto... hahah. Lindo texto, adorei! As vezes é tudo tão perfeito, que ficamos em dúvida se pode ser real, bem como certas coisas estão tão longe da realidade, mas que parecem mais que meros sonhos. Beijos
    Desfocando Ideias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Natália todo sentimento é Surreal de certa forma, por isso nos enfeitiça. Você não vê, não entende, mas sente. Obrigado pela visita, espero que o texto tenha ajudado nessa tal "bad".

      Excluir