Sem amor, nada seria.

16:55

Sabe quando tudo a sua volta te sufoca? Parece que você fala uma lingua diferente de todos a sua volta, que por mais que você fale, desabafe as pessoas não entendem e te dão soluções praticas e obvias pra coisas que só você sabe que não são tão simples assim. Aquele aperto no peito, aquela angustia que ouve de um ou outro que é frescura,  que não é nada. "Logo passa" dizem e você não sente esse logo chegar nunca. O aperto, a angustia só aumentam e você se vê mergulhado em desanimo.


Você busca conversar, desabafar, ou até mesmo focar em assuntos mais animados. Você pensa positivo, você mantem ativa  sua fé, mas ainda assim no fim do dia aquele apertozinho, aquela angustia ainda está ali, cravada no peito, travando sua garganta com um nó gigante.
Parece que nada resolve, você se tranca em um quarto escuro, no banheiro de madrugada. Chora, chora litros, de medo, insegurança e solidão com a esperança de esvaziar o peito desse peso que carrega mas não, teu peito ainda esta transbordando.

As vezes não se encontra solução sozinho, as vezes a gente só quer aquele colo, aquele carinho, aquela acolhida vinda de alguém importante.  E mais nada, sem palavras ditas, sem conselhos, só você aquele alguém, aquela mão em seus cabelos, ou aquela presença mesmo que não fisica.
Silêncio rompido somente pelo som da respiração, ou por uma mensagem mostrando pra você que esse alguém ainda esta ali, com você. As vezes a gente só precisa de amor... Em um colo, uma mensagem ou no silêncio.

Entender e saber reconhecer esse alguém no meio de tantos é dificil, e se fazer esse alguem na vida do outro tambem. Você consegue ser e reconhecer esse alguém?!  Se não, talvez seja isso o que falta... Amor.

Talvez você goste de:

54 comentários

  1. Me identifiquei muito com o seu texto, inclusive estava pensando nisso esses dias... acho que hoje em dia parece que a falta de empatia, o egoísmo virou regra... as pessoas não sabem reconhecer/ não se importam com os sentimentos do outro.
    Enquanto isso, os poucos que se importam tentam lidar com a angústia dentro do peito...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem isso mesmo, mas ainda tenho esperanças de que as coisas mudem pra melhor.

      Excluir
  2. Olha, sou uma pessoa de sorte por ter encontrado esse alguem então so posso dizer que: Metade de minha é amor e a outra metade tambem! Sorte sucesso, e acredite que você irá encontrar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu posso dizer que tenho algumas pessoas que se encaixam nisso ;)Obrigado, sucesso pra nós!

      Excluir
  3. O texto está incrível,me encontro assim já faz algum tempo!! Sucesso xoxo

    heykamila.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Hoje em dia as pessoas parecem pensar só em si mesmas , e o amor já não parece mais tão verdadeiro e sublime.
    Adorei o texto <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente, mas eu ainda tenho fé de que as coisas mudem. Obrigado.

      Excluir
  5. De escorpiana para escorpiano eu te entendo rsrs Adorei o texto e a reflexão, realmente sem amor nada somos.

    ResponderExcluir
  6. Nada seríamos mesmo, o grande problema, é que muitos não perceberam ainda. É tudo sobre amor, tudo mesmo! A solução de todos os nossos problemas. Muitas vezes esse aperto no peito, essa angústia, seria resolvida só de desabafar, mas é difícil encontrar alguém que só escute, hoje sinto como se disputássemos problemas, a pessoa mal acaba de falar o que sente, e o outro já está falando sobre o dele, mas a gente só quer alguém que escute, mesmo que não tenha solução. Alguém com quem contar. Alguém que te ouça, por amor.

    Parabéns pelo texto, abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, as pessoas já não sabem mais escutar. Só querem falar e falar. E realmente sempre foi tudo sobre amor e só.

      Excluir
  7. É tanto amor por esse texto que nem sei explicar,
    Très bien!!

    ResponderExcluir
  8. È muito complicado achar quem nos escute, não nos julgue e que nos ajude com essas angustias, mas sempre tem aquela pessoa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente é sim muito difícil, mas acredito que tudo mude.

      Excluir
  9. Sim, as vezes nos sentimos distantes desse mundo. Estrangeiros numa terra estranha.
    Sempre quando me encontro assim, sento em um lugar agradável e começo a conversar com Deus; não posso o ver, mas posso sentir seu refrigério. ♥

    O titulo faz-me lembrar também essa passagem. 1 Coríntios 13:1-3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conheço a passagem, e somos de fato, estrangeiros.

      Excluir
  10. Super me identifiquei! Sei que devemos ser felizes sem depender de outras pessoas, mas quem é feliz sozinho? Eu não consigo passar um dia sem puxar assunto com quem gosto, receber aquela mensagem de bom dia, apesar do dia não estar essas coisas, nos sentimos queridos com gestos simples.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também penso assim, não gosto de ser sozinho.

      Excluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Texto bonito! Eu sinto coisas parecidas as vezes, sabe. Mas sempre procuro afastar pessoas tóxicas e me empoderar. Dizer para mim mesma que eu sou ótima e que quando for pra ser, vai ser.
    Eu fiz um texto falando sobre algumas coisas que aprendi este ano e me ajudaram a ficar mais tranquila, me entender e controlar minha ansiedade, se quiser ler: http://www.janainebagatini.com/2016/12/o-que-aprendi-em-2016.html.

    Um beijo
    http://www.janainebagatini.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é importante mesmo, se amar. Assim que der vejo sim. Obrigado!

      Excluir
  13. Nossa, parece que eu e você temos pensamentos iguais! Esse texto descreveu muitos sentimentos que eu não sabia explicar. Mas eu sei que há pessoas por aí que podem me ajudar, se não o fizerem eu escuto música ou leio a algum livro. Eu sempre busco algo que me permita fugir desse mundo complicado. Mas eu ainda tenho esperanças de que isso melhore!

    ResponderExcluir
  14. Sei tão bem como é esse sentimento de esta com uma dor gravada no coração e ter que prosseguir. Mês passado estava assim e me sentia exatamente como descreveu no post e foi quando esse alguém que você cita do post veio me consolar que tudo foi embora. Como comentaram acima, também tenho sorte de ter esse alguém comigo, sozinhos realmente nada funciona.
    Lindo texto. Um beijo e feliz 2017 <3

    ResponderExcluir
  15. É muito difícil amar e expressar amor nos dias atuais. As pessoas estão cada vez mais frias e individualista, e a gente acaba se fechando. Sorte que eu encontrei alguém para amar. Bjo e sucesso!

    www.pandapixels.com.br

    ResponderExcluir
  16. Me abraça vai! <3
    Amei o texto.

    Feliz 2017.
    Karol Campos | http://www.karolcampos.com

    ResponderExcluir
  17. Eu não costumo ler textos que me fazem aprofundar tanto quanto o seu fez. Talvez porque eu esteja me sentindo assim a grande maioria do tempo. Me emocionei, sério. Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz em saber que se identificou! Obrigado.

      Excluir
  18. Me identifiquei muito com o texto,todos nos temos um momento da nossa vida que passamos por isso,e as vezes só precisamos de uma pessoa que entenda o silencia e simplesmente nos abrace,mas é muito difícil achar alguém que nos escute,muito amor pelo seu texto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que todo mundo passa por isso um dia né. Obrigado!

      Excluir
  19. Que palavras lindas, realmente muitas vezes nos sentimos como um peixe fora d'água mas uma simples palavra ou atenção pode alterar tudo.
    Eu sempre tento dar atenção as pessoas a minha volta. Seja amigo, colega, família ou estranho.
    Todo carinho e amor é válido!
    Um super abraço.
    ps. Não encontrei onde me inscrever para te acompanha!

    www.segredosdajuhcosta.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado. Tem como seguir pela conta do google a direita (da pra ver mais pelo pc) ou seguindo a page vc vê as atualizações ;)

      Excluir
  20. Que texto lindo e intenso. A vida seria tão mais fácil se mais pessoas transbordassem amor ao invés de críticas ou desprezo; setivessem um pouco mais de sensibilidade com os sentimentos dos outros. A vida é muito curta pra não sair destribuindo amor e abraço, não é mesmo? Hahaha. Parabéns pela reflexão, tomara que faça mais pessoas refletir 💙

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! É isso ai, mais amor e mais empatia ;)

      Excluir
  21. Lindo texto, vc consegue capital o que a maioria sente, no meu caso sou mae de primeira viagem as vezes me tranco no banheiro pra chorar pq ninguém vê o quanto é cansativo ai falao vc e mãe tem que aguentar mais ninguém vê que vc também precisa de carinho 😔 lindo texto parabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mãe não tem que aguentar nada sozinha. Acredite eu imagino que cansa. Obrigado!

      Excluir
  22. Que texto lindo!! Me identifiquei em cada linha. Parabéns!

    Beijos!
    https://leelerblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Que texto magnífico, me identifiquei em várias partes!
    Parabéns, conheci seu blog hoje e adorei!
    Hoje em dia esta meio difícil encontrar alguém que demonstre amor, porque fingir é muito fácil.
    Um beijo e sucesso.

    www.esteticando-se.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado. Muito obrigado!

      Excluir
  24. Seus textos são profundos e cheio de sentimentos, parabéns!!!

    ResponderExcluir
  25. Realmente sem Amor nós não seriamos nada .... Beijos

    ResponderExcluir
  26. Há muitos peixes no oceano, mas pouca qualidade. Engraçado, assisti um filme ontem a noite que fala sobre tudo isso que vc descreveu!!! O nome do filme é Quando Te Conheci( com a menina do Crepúsculo, não sei o nome daquela Chiquinha Rapadura). Se você ainda não assistiu, recomendo! Olha, ainda vou além: está difícil de encontrar amor até nas amizades, imagina para uma vida à dois. Infelismente Thato, as pessoas estão se doando menos e exigindo mais. Que o amor chegue até a você e quando chegar que vc possa perceber e recebê-lo de braços abertos.
    Grande abraço!

    www.vivendolaforanoseua.blogspot.com

    ResponderExcluir