Aprofunde-se, não gosto do razo.

22:06

Tem dias que você chega ao seu limite, ao limite da sua paciencia. Você sente dor mas não é uma dor física é a dor do peso que você carrega por ouvir pré julgamentos, preconceito (sim porque não) a vida toda.

Sua infância é marcada por piadinhas. E você cresce apesar de todas as limitações que a vida lhe impôs, você cresce e se torna alguem que gosta sim de cuidar do físico tanto quanto da alma e passa a ouvir que é só isso...Corpo e aparência.

Você cresce com o pensamento  e comportamento diferente do que teu progenitor esperava, você cresce acreditando no amor, na realização e prazer tendo alguem fixo e único do teu lado ao invés de ser o garanhão das baladas. Você cresce sabendo se virar sozinho, sendo independente, se sustentando só, sendo homem e é tratado como moleque até por ele.


Você aprende a não ser vitima da vida, dos problemas, das situações e opta por mostrar bom humor, alegria, calmaria aprende a ser porto seguro dos que ama, carrega o mundo nas costas sozinho e não reclama faria de novo, faria sempre se preciso fosse. E mesmo tendo o peito, mente e vida do avesso, mesmo com o coração explodindo em dor. Você escolhe viver assim, sem mímimi e vitimização, você escolhe paz.

Mas ainda assim há quem goste de roubar a tua paz,  e simplesmente te aponta o dedo, "você tem boa aparência" como se isso fosse um erro, um peso ou um defeito de caráter. Ainda assim há quem não se de ao trabalho de conhecer a essência, a vida, a mente por trás disso tudo. Há quem é tão "inteligente" que se limita ao óbvio, que se limita a face. Eu não.

Eu quero mais das pessoas, eu espero mais das pessoas, eu não quero tua face bonita, teu corpo perfeito, tua fama na rede, eu não. Quero ver como trata o lixeiro, como vive o dia a dia, quero ver teu coração.

E talvez por querer ver tanto dos outros me incomode estar encontrando pessoas tão razas e tão obvias. Como mergulhar no razo? Aprofunde-se, atras do rosto eu sou imensidão, eu gosto do mar, desague em mim teu oceano.



PS: Fui questionado então acho melhor explicar, o "razo/razas" do texto e titulo foram propositais. Pra dar o sentido de raso e falso, já que "razo" não existe.

Talvez você goste de:

12 comentários

  1. Infelizmente as pessoas se entregam a relacionamentos rasos, vidas rasas.
    Adorei a forma como vc expôs isso no texto, moço!
    Beijos da Bru <3

    http://multidaodepensamentos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim infelizmente isso é verdade. Obrigado Bruna ;)

      Excluir
  2. Tem coisa pior do que chegar ao limite? Não, não tem! Acho que depois de passar por uma situação hoje, em comum inclusive, e ler teu texto, percebi que também espero muito das pessoas, e isso, definitivamente, fode meu psicológico. Desculpe o palavreado, mas foi o único que achei. Encontrar quem deságue está difícil, mas tudo bem. Aliás, gostei do texto :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kelly é exatamente o que acontece comigo e exatamente a palavra que eu uso...Fode totalmente meu psicológico "/ Obrigado ;)

      Excluir
  3. Maldita "regra" da perfeição externa. Sou fascinada por coisas internas, por tudo aquilo que é verdadeiro, pela essência e não por coisas que se acabam ao passar dos anos.
    "Aprofunde-se, atras do rosto eu sou imensidão, eu gosto do mar, desague em mim teu oceano." marcou haha. Muito show!


    Beijos. www.blogbrightwords.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também sou assim, externo atrai sim não vamos ser hipócritas mas não é o que mantém. Não aguento mais conhecer gente rasa. Obrigado :)

      Excluir
  4. As pessoas se preocupam de mais com sua aparencia , de como vai estar por fora , mais esquece aprofundar-se por dentro .
    Gostei muito da forma que você escreve *-*
    Bjnhs

    karoline-o-meu-melhor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente isso, cuidam do corpo e esquecem da alma. Obrigado Karoline ;)

      Excluir
  5. Se a pessoa se cuida, ela é julgada de ser vã ou vaidosa.
    Se não, é gorda e preguiçosa.

    Se a pessoa se espiritualiza, dizem que ela se acha está num plano maior que os outros.
    Se não, é oca, burrinha, vazia.

    Qualquer escolha que o cidadão decida tomar, vão julgar. Então escolhamos sermos lindos, maravilhosos e vitaminados de dentro para fora e de fora para dentro tb, porque não? O exterior é manisfestação do interior. Seja algo bom ou ruim.

    Ótimo texto!

    Gisley Scott, A Exportada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você foi direto ao ponto Gisley, o importante é ser e estar feliz com o que você é, independente da opinião alheia por que essa raramente vai coincidir com o que te faz bem. Obrigado pela visita.

      Excluir
  6. Simplesmente perfeito!
    Parabéns pelo texto, as pessoas se rotulam tanto que esquecem que o principal e acima de tudo o que impota é ser feliz, como você é, esquecemos de nos aceitar como somos e nos etiquetamos com a opinião alheia. Mas quem sabe um dia isso mude não é mesmo? Parabéns :3

    www.floreioss.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu espero que mude sim Luciana, acho que ainda tenho fé nas pessoas rsrs Obrigado pela visita ;)

      Excluir