Ouvindo opiniões: Sobre sexo, falar ou não?

09:01

Olá como vocês já devem ter se acostumado eu gosto de um "bate papo" sobre diversos assunto e gosto de postar a opinião das pessoas e até mesmo a minha aqui no blog.

Desta vez eu escolhi um assunto que por incrível que pareça ainda é TABU na vida de muita gente, vamos falar de Sexo (aquela carinha).

Eu particularmente sou apaixonado por sexo e quem me conhece um pouquinho percebe isso, acho sexo uma arte como varias outras, é um dançar de corpos que une o útil ao agradável, movimenta o corpo, a mente e a alma e o melhor, nos dá prazer.

Cresci em uma família onde esse assunto sempre foi tratado de maneira muito aberta, meu padrinho coleciona desde sua adolescência revistas pornôs, e não me refiro as revistas de nu feminino e sim das que mostravam o ato por diversos ângulos e posições. Todo tipo de duvida que tive ao longo da minha adolescência foi devidamente esclarecida sem receio algum, tanto por meus pais quanto por meus avós, o que me deu a liberdade de falar sobre o assunto livremente no meu dia a dia como se fala do tempo, que alias anda meio bipolar em São Paulo.

Sendo assim fiz uma simples pergunta a algumas blogueiras e lhes dei o direito de me fazer uma pergunta sobre o assunto também, vamos ver então como ficou o papo?


Minha pergunta: Sexo é Tabu pra você? Justifique-se.


Respostas:

Raquel Mattoso
24 anos
Blog: www.meninaolhosdeaguia.com.br

- Tenho minha resposta na ponta da língua porque penso muito a respeito. Não é tabu para mim. Mas é tabu para muita gente. Talvez seja um pouco de Tabu para mim sim, na medida que tenho dificuldade de conversar a respeito com determinadas pessoas, mas acredito que seja mais por não me sentir a vontade do que propriamente achar que estou errada. Eu cresci na Igreja Evangélica e sempre fui ensinada que sexo era uma coisa ruim. Que deveríamos respeitar milhões de regras a respeito. Eu pensava diferente. Acho muito bonito quem espera por um casamento para fazer o que eu acho normal. Apenas não sou desse jeito. Sexo faz parte da vida. Todo mundo faz/fez/vai fazer. É da natureza do ser humano, não há porque se envergonhar disso. Mas ok.

Vanessa Santana
20 anos
Blog: Babadosdajapa.com

Para mim sexo não é um tabu. Mas é um tabu que infelizmente acho que ainda esta longe de ser quebrado. Sexo é sim, social, cultural e faz bem (tanto a emocional e fisicamente). As pessoas escolhem fazer o que quiserem com seus corpos. Se ela se sente bem, a vontade, e tem capacidade de lidar com a situação, não tem porque reprimir. Se a pessoa não quer transar e se guardar, muito bem, seja feliz. Se ela não quer, muito bem também. Se ela quer falar ou não sobre sexo, também é um problema dela. Eu não tenho problema nenhum em falar sobre o assunto, mas compreendo quem pensa diferente. As pessoas ligam muito sexo ao amor. Sexo não é necessariamente só amor. Faz sexo quem quer, pelo motivo que quiser...


Duda.
15 anos
Blog: www.atrasdpenteadeira.com

- Não, pelo simples fato de ser algo comum e tão normal, todos nos iremos fazer sexo, seja agora daqui um, dois ou ate mesmo três anos, os pais vêm isso como algo secreto e tal, sim sua intimidade tem que ter privacidade, mais isso não é uma novidade pra ninguém, sexo não é mais um tabu.

Deise Lima
20 anos
Blog D'cifrando http://ddcifrando.blogspot.com.br/


Segundo Aurélio, Tabu é “Assunto de que não se pode ou não se deve falar”. Considerando dessa maneira sexo é tabu pra mim 50% das vezes. Explico.
S e x o assim mesmo com todas as letras é muito difícil ainda de ser tratado na minha família (eis os 50%), não é algo que eu consiga conversar num almoço de domingo, apenas coisas sutis no dia a dia são lançadas. Porém com meus amigos, pessoas que nem conheço (como vocês que estão lendo esse texto) e principalmente com o meu namorado é um assunto super tranquilo. Conversamos o tempo inteiro e não temos grilo nenhum, mas olha só, somos virgens! Sim, tenho 20 anos, meu namorado tem 23, já namoramos à dois anos e meio e nós somos virgens. Nós simplesmente não queremos tudo agora, mas podemos querer na semana que vem. E pra mim, sexo não é (((apenas))) a penetração, existem muuuitas outras coisas envolvidas. Aquele olhar que diz “vem pra mim, vem”; aquele beijo molhado no pé do ouvido, enquanto nossos corpos se arrepiam juntos, colados; aquela entrega de corpos suados, e tantas delícias mais...
Sexo, entre sexos iguais, entre sexos diferentes, sexo entre apaixonados ou não, sexo no primeiro ou no milésimo encontro. Todos são legítimos e maravilhosos se as pessoas envolvidas estão curtindo em níveis equivalentes. Mas oh, ame, ame cada segundo ao lado de quem entrar nessa conexão tão intensa com você.

Carol Justo
19 anos

- Um pouco ainda é tabu, por exemplo, eu não falo sobre sexo com qualquer pessoa, pelo menos não das minhas experiencias pessoais, eu gosto de ajudar e falar sobre com quem eu conheço. Nunca falei sobre com meus pais, me sinto tímida quando tenho que falar sobre isso com eles, prefiro deixar pra lá. Acho que muito mais além do tabu, o sexo é intimidade. Eu acredito que deveria ser falado mais sobre isso nas escolas públicas, ensinar mais sobre o corpo e etc, acho que talvez quebraria todos os tabus que temos hoje em dia e talvez a gravidez precoce seria bem menor do que é hoje em dia 

Julia Coelho
19 anos

- Bem, perdi minha virgindade esse ano e acho que quando você descobre mesmo que pouco sobre o assunto que antes só sabia na teoria, um pouco dos mitos são deixados de lado. Mas acredito que sexo é um aprendizado, então claro que tem alguns assuntos dentro desse tema permeados de tabus pra mim. Sexo anal e sexo oral por exemplo. Isso sem contar o que a sociedade estipula como moral e imoral dentro da sua vida íntima -gente, deixa a galera transar em paz, pelo amor. Esses rótulos de moralidade me atingem? Sim, claro. E é por isso que tento me libertar dessas amarras e experimentar e fazer sexo que me dê prazer e dê prazer ao meu namorado também, afinal, esse é o tchan da coisa toda, né?

Luciana Sá
29 anos
www.acheiaspalavras.com.br

- É e não é. Se pensar em mim como indivíduo único, então não. Posso dizer que já me libertei das inúmeras máscaras criadas pela sociedade para as mulheres de forma geral. Porém se pensar em mim com indivíduo em sociedade, aí temo que não. Uma vez que tenho que medir o conceito do grupo em que estou para saber se é possível ou não expor meus próprios conceitos. Não adianta eu falar aberta e livremente sobre sexo se não há com quem falar. A reflexão sobre o tema mostra o quanto ainda temos que investir no esclarecimento de ambos os sexos sobre igualdade de gênero.


Perguntas:

Raquel -
Até que ponto você já se segurou em relação a deixar claro que queria sexo, por medo de ser mal interpretado?  Nunca me segurei Raquel, embora confesso que tenho receio sim de ser mau interpretado e as vezes sou. Mas como disse um pouco mais acima todo mundo que me conhece um pouco sabe que sou apaixonado por sexo, então logo o mau entendido se desfaz rsrss.

Vanessa - 
O que acha de fazer sexo vendo um filme porno? Sinceramente? Broxante rsrss Filme porno é broxante e exagerado. E fazer sexo mesmo que seja só sexo é mais gostoso estando inteiramente ali e não dividindo atenção com a TV.

Duda - 
Qual a idade considerada para perder a virgindade? E para os pais como é saber que os filhos não são mais virgens? Acho que não tem idade certa, mas é preciso ter bom senso e entender que criança deve se preocupar em ser criança somente. Não é preciso apressar as coisas se é que me entende. Olha deve ser difícil pra eles, todo pai/mãe se preocupa com as consequências que ter uma vida sexual ativa trás pra vida da pessoa. Acho que é isso que passa pela cabeça deles, sera que meu(minha) filho(a) sabe de fato se cuidar? Se preservar? Por isso é importante sempre se informar(com fontes certas), conversar, acho que evitaria muita adolescente gravida, muita criança abandonada, muito aborto, muita doença e por ai vai. 

Deise - 
Falei sobre umas coisinhas que caracterizam sexo pra mim, e pra você o que é sexo? Como eu disse acima sexo pra mim é arte, é uma entrega de corpo e alma e até mesmo quando feito somente pelo prazer carnal trás sua beleza. Não vejo como algo vulgar, promiscuo ou coisas do tipo. Tanto que em uma conversa com uns colegas meses atras percebi que sou um dos poucos que não curte esse lance de bater, a meu ver não combina com o ato essa forma de agressividade, umas pegadas mais fortes, uns apertões, mordidas, arranhões de leve são outros "quinhentos" e já é outro assunto rsrss... 

Carol - 
- O que você acha que deveria ser feito para que as pessoas levassem mais a sério a relação sexual, se prevenindo corretamente? Conversa Carol, dialogo em casa, na escola, onde for. Deixar de tratar sexo com um assunto que não se pode falar e falar sim, perguntar sim, tirar todas as duvidas possíveis sim. Evitaria muita coisa.

Julia - 
Por que o orgasmo feminino é mais difícil de ser atingido que o masculino? Vamos começar por um fato, pra homem é tudo mais fácil, homem se excita com tudo. Mulher não, mulher é mais tato, mais audição, entendendo isso já é meio caminho andando Não é tão difícil assim Julia a verdade é que a maioria das gurias não se conhece tão bem assim. Quando a guria tem o hábito de se masturbar ela não tem só o prazer ela passa a se conhecer, saber exatamente onde e como tem mais prazer e isso descomplica 98% da situação rsrss. Por que ai a mulher sabe dizer e se sente mais a vontade de dizer como quer..."ai não, não faz assim, faz assim, faz assado." entende? ela ajuda a conduzir o parceiro a aprender a lhe dar prazer também. E isso é o que falta muito nas relações, conversa, cumplicidade até na cama. Eu costumo perguntar muito, tenho que sentir que ta bom pra ela também.

Luciana -
No conceito de que mulheres fazem amor e homens fazem sexo, como é a visão masculina quando os papéis se invertem? Primeiramente acho que essa frase não cabe mais ao mundo de hoje. Conheço homens que fazem amor e mulher que fazem sexo. Pra mim não há problema quando o papel se inverte, cada um sabe de si, sabe o que é melhor pra si e se a guria ou guri ta afim de sair pra uma rapidinha sem compromisso que mal tem? Mas deve-se entender que toda escolha tem sua consequência e suas perdas é preciso saber realmente o que faz e isso vale pra homem e pra mulher. Não vou ser hipócrita e dizer que sempre pensei assim, não. Não mesmo a pouco tempo atras eu tinha uma visão bem diferente e até um tanto quanto machista, confesso. Mas as coisas mudam a gente aprende a se adaptar, embora se adaptar não seja o mesmo que aceitar tudo.

Bom é isso por hoje e viu como nem doeu? Acho importantíssimo conversamos sobre tudo hoje em dia, com nossos pais, amigos, filhos, parceiros. Dialogo e informação são importantes armas contra muita coisa ruim que anda acontecendo.
Eu sinceramente adoro conversar e adoro sexo então falo numa boa sobre, e pra você? É um TABU? 

Fiquem a vontade caso queiram me perguntar algo também, responderei sem problemas.

Pra quem não sabe tenho um Tumblr porno e aproveito a deixa pra apresenta-lo a vocês, chama-se Lust Carnality. Divirtam-se.

Abraços!

Talvez você goste de:

15 comentários

  1. Que delícia, de post! hahah!
    Adorei a forma como foi abordado, cada uma das respostas do jeitinho de cada blogueira!
    A minha resposta foi a maior de todas, eita menina tagarela, mas é um assunto tão gostoso de tratar vai, acho que a gente pode passar horas conversando!
    Suas respostas foram ótimas!!! Já estou me sentindo parte daqui agora, viu! Se tiver outro papo rolando pode me chamar que adorarei participar!
    Um abraço,
    D'cifrando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah eu também acho um assunto maravilhoso rsrss Sinta-se a vontade moça e venha sempre!

      Excluir
  2. Só sei que você arrasou na entrevista, deixou muito claro a opiniao de todos, e é algo que deve ser falado mesmo, pois ainda tem pessoas que vem o sexo como um bixo de sete cabeças. Beijos seu lindo, adorei o post ^^
    www.atrasdpenteadeira.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso ai Duda, conversar sempre! Muito obrigado ;)

      Excluir
  3. Sexo já foi um puta tabu pra mim. Minha mãe casou virgem, minha irmã também e boatos rolam que meu irmão ainda não chegou lá. hahha eu perdi com uns 20 anos. Mas cara, é bom! hahaha Eu esperei porque não me sentia a vontade com meus namorados anteriores e foi bom ter esperado.

    Acho que o maior problema da mulher é o que você respondeu para a julia. A mulher não se conhece, tem medo de falar com seu parceiro e quer agradá-lo. Eu já fiz isso por um tempo, até entender que o homem JAMAIS vai saber como agradar a mulher se ela não dizer o que quer. O homem diz, e a mulher consegue agradá-lo por isso. Mas se nós, mulheres, não nos sentimos a vontade para falar com o parceiro sobre o que a gente quer, fica impossivel.

    E aí eu respondo minha própria justificativa: por muito tempo eu não sabia o que eu queria, porque eu não me permitia ver nada sobre sexo. Tinha medo das pessoas me verem pesquisando... pensava " o que a minha mãe vai pensar ao me ver fazendo isso? " E aí, não pesquisava.

    Até que comecei a confiar mais nas sugestões do meu parceiro e perder a timidez. Aí a gente vai aprendendo, ué. Simples assim. Agora eu posso dizer o que eu quero hahahaha

    ótimo post, cara. Esses assuntos são sim um tabu pra muita gente e as vezes ainda é pra mim (eu não falo de sexo na familia. Só entre amigos). hahah

    Livre Leve Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gisa, sua resposta devia virar outdoor! Essa é a melhor saída. E, de certa forma, foi o que todos nós respondemos. O que me faz concluir que alguma coisa já está mudando!
      bjoks

      Excluir
    2. Gisa que ótimo saber que hoje você já conversa abertamente. Acho maravilhoso que a mulher diga o que quer, é importantíssimo, sexo não deve dar prazer só ao homem. E concordo com a Luciana ;)

      Excluir
  4. Uouuu...
    Não sei se gostei mais das respostas das gurias ou as suas que elas trataram de matar a curiosidade rs.
    Chato é perceber que para alguns falar sobre sexo ainda é difícil, mesmo nos dias de hoje.
    E concordo contigo assistir pornô enquanto se faz sexo é broxante. Gostoso mesmo é olho no olho.
    Amei o post ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é? Porno é muito comédia rsrss E olho no olho não tem nada melhor.

      Excluir
  5. Eu não converso muito sobre sexo apenas por falta de experiência, para falar a verdade. Com a família é difícil falar sobre muita coisa, então evito assunto que eles considerariam polêmicos. Mas entre os amigos e colegas, não vejo porque tratar como tabu. Ás vezes, pessoas mais profissas nisso são mais acanhadas a conversar sobre do que eu, que ainda sou virgem. Tanto é, que dizer ser virgem entre os colegas hoje em dia também pode ser considerado um tabu kkkk. Já tive a fase de não querer me expressar sobre (ninguém precisa saber que ainda não transei, mas também não preciso dizer que ainda não...), depois passei pela fase de usar a desculpa do "escolhi esperar" (isso é cômico), hoje não faço parte de nenhum movimento de castidade, mas também não sou porra loca ansioso para fazer com qualquer uma... Tô de boas aqui. Quando tiver que ser, vai ser, e se for depois de casar, que seja. Sexo foi Deus quem criou, e viu que era bom, quem sou para contrariar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahah adorei Filipe! É bem por aí mesmo! Quando for será, e é bom, não vamos contrariar!

      Excluir
    2. Filipe você está certissimo, não tem que ter pressa mesmo o que for pra ser vai ser. Mas nada te impede de se informar. Eu confesso que fui bem apressado mas acho que é da minha natureza também e foi com alguém que gostava muito na época e acreditava que me curtia também, mas essa ja é outra história. Mas uma coisa sou obrigado a lhe dizer, mesmo com amor a primeira vez não é legal rsrsss é muito mais comédia do que romântica entende? Mas vale a pena. E concordo com a Deise, sexo é bom não vamos contrariar rsrss

      Excluir
  6. Não sei pra você, mas foi muito bom pra mim! rs
    Deu pra tirar uma boa visão de como as coisas têm mudado. Foram várias idades, desde os 15 até os meus bem vividos 29 anos, mas todas tivemos respostas bem semelhantes, o que já mostra, na minha opinião, um padrão se formando (okay, sou de extas, vejo o mundo meio preto no branco as vezes!!). O que importa é que as coisas começaram a mudar e mudar para ambos os sexos. Acho que a resposta para a Julia foi a mais valia de todo o post, mulheres adultas, casadas, experientes em relacionamentos, ainda nao aprenderam isso (vejo aí grande chance para outro bate papo de um tema ""tabu""!). É sempre bom participar de coisas que te façam aprender mais, então obrigada pela oportunidade e pelo conhecimento adquirido.

    ps: mininuduceu! que Tumblr é aquele????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Luciana, fico feliz de verdade. Opa! Outro bate papo? To dentro ;)

      Excluir
  7. Só agora que vi sua postagem! Ficou um máximo. E obrigada pela sua resposta! :)

    ResponderExcluir